Tratamento da Calvície

Ainda não existe uma forma eficaz que garanta 100% de sucesso na cura da calvície. Entretanto, existem diversas medidas que podem ser tomadas para controlá-la. Assim, ela deixa de evoluir, evitando-se a queda completa dos cabelos. Quanto mais cedo se detectar o problema, melhores serão os resultados. Os objetivos do tratamento da alopecia androgenética são:

  • Retardar a rarefação, evitando o excesso de queda;
  • Aumentar o volume de cabelos no couro cabeludo;
  • Engrossar os fios de cabelo já existentes.

Dicas de Tratamento da Calvície

  • Procurar manter uma vida saudável. Adotar uma alimentação rica em aminoácidos e proteínas; cobre, ferro, zinco, óleo de linhaça e complexo B; além da prática de exercícios físicos. Esses fatores contribuem para uma boa nutrição capilar e irrigação do couro cabeludo.
  • Limpeza do couro cabeludo. As lavagens devem ser freqüentes, utilizando-se xampus apropriados com fórmulas delicadas de pH neutro e sem sal, para remover a sujeira e o sebo em excesso sem alterar o pH do couro cabeludo.
  • Massagem. Ter o hábito de massagear o couro cabeludo ajuda a ativar a circulação. A massagem deve começar na parte frontal da cabeça e nas têmporas, continuando na nuca e terminando no alto do crânio. Esta massagem, além de ativar a circulação, também ajuda na absorção de loções capilares.
    Sessões regulares de drenagem linfática e massagem capilar contribuem para ativar o metabolismo do couro cabeludo, revitalizando os folículos pilosos. As massagens ajudam no relaxamento — isto reduz o efeito dos hormônios que provocam a queda de cabelos.
  • Anticoncepcionais. Em casos de alopecia androgenética feminina de origem hereditária, é preciso recorrer a anticoncepcionais que contêm a sustância acetato de ciproterona. Esta substância inibe a influência dos hormônios andrógenos (hormônios masculinos), além de reduzir a função excessiva das glândulas sebáceas. São estas glândulas que causam a seborréia —responsável por grande parte dos casos de queda de cabelos.
    O acetato de ciproterona pode ser encontrado em anticonceptionais como Diane 35 e Yasmin. No caso do Diane 35, a queda começa a melhorar a partir do terceiro mês de terapia.

Medicamentos para Calvície

Minoxidil

Tratamento da Calvície

O Minoxidil é um vasodilatador que facilita o crescimento do cabelo. Foi o primeiro produto a ser aprovado para o tratamento de alopecia androgenética.

Comumente, o Minoxidil é apresentado em duas concentrações: 2% e 5%. Estudos comprovam que a solução de 5% proporciona um efeito mais amplo e rápido que a solução de 2%; e pode ser usada tanto em homens como em mulheres.

É aplicado via tópica sobre o couro cabeludo, em dose 1 ml, duas vezes ao dia. A loção deve ser distribuída uniformemente sobre as áreas de maior necessidade, através de massagens cutâneas feitas com as pontas dos dedos. O uso deve ser regular e contínuo para manter a eficácia.

Finasterida

A Finasterida trata a alopecia androgenética leve a moderada. É um inibidor específico da 5 alfa-redutase, enzima responsável pela queda de cabelos.

Foi demonstrado que a Finasterida rapidamente baixa os níveis de DHT sérico e do couro cabeludo em mais de 60%. Ela não tem nenhuma afinidade pelo receptor de androgênio e, portanto, não interfere na ação da testosterona. Por isso, não tem efeitos androgênicos, estrogênicos, progestacionais ou quaisquer outros efeitos de esteróides.

O tratamento de alopecia androgenética é administrado em uma dose diária de 1 mg por via oral.

A Finasterida não é aprovada para uso em mulheres. Durante a gravidez, podem ocorrer anormalidades na genitália externa do feto de sexo masculino.

Saiba mais sobre:

Que outro assunto você gostaria de buscar?