Para a mulher que gosta de se cuidar

Menopausa: Você está preparada?

Menopausa: Você está preparada?

A menopausa é um estágio natural da vida que todas as mulheres passam a partir de uma certa idade. Menopausa é quando os ovários deixam de funcionar, ou seja, quando eles deixam de produzir os hormônios estrogênio e progesterona. A principal característica da menopausa é a cessação da menstruação.

Climatério

O climatério é a fase da vida em que ocorre a transição do período fértil para o não-reprodutivo. Um pouco antes da mulher entrar na menopausa, os níveis de estrogênio começam a diminuir e provocam mudanças no ciclo menstrual. Para muitas mulheres esse processo começa silenciosamente depois dos 40 anos — geralmente entre 45 e 55 anos. Algumas mulheres podem apresentar um quadro mais acentuado de sinais e sintomas, porém todas chegarão à menopausa. Normalmente os sintomas da menopausa permanecem por 10 anos, mas há casos em que dura muito mais tempo.

Menopausa: Você está preparada?

Sintomas da Menopausa

A redução progressiva do estrogênio, que acontece na menopausa, promove efeitos profundos no organismo. Em muitos casos, essa deficiência de estrogênio gera diversos sintomas:

  • Ondas de calor
  • Diminuição do desejo sexual
  • Suor noturno
  • Ressecamento vaginal
  • Irregularidade dos ciclos menstruais
  • Insônia
  • Irritabilidade
  • Ansiedade
  • Depressão
  • Aumento do risco cardiovascular pela diminuição dos níveis de estrogênio
  • Osteoporose (diminuição da quantidade de massa óssea — que torna os ossos frágeis e mais propensos a fraturas).
Menopausa: Você está preparada?

Dicas para Amenizar os Sintomas da Menopausa

Acabar com os incômodos que surgem no final do período fértil feminino não é mais sinônimo de riscos à saúde. Seguem algumas maneiras de se atenuar os sintomas da menopausa.

1. Reposição Hormonal

Menopausa: Você está preparada?

Vantagens da Reposição Hormonal

Uma boa terapia hormonal compensa a baixa nos hormônios, evitando transtornos físicos e psicológicos. A reposição hormonal é fundamental para a diminuição dos sintomas da menopausa. A base do tratamento é a reposição de estrogênio, que apresenta as seguintes vantagens:

  • Ajuda a equilibrar a produção e a reabsorção do tecido ósseo.
  • Fortalece os tecidos da parede vaginal e melhora a lubrificação.
  • Aumenta a elasticidade das paredes da uretra e a eficiência do sistema excretor.
  • Estimula a produção de colágeno, substância que dá elasticidade e viço.
  • Ajuda a manter a temperatura do corpo estável.
  • Melhora o sistema cardiovascular.
  • Melhora a aparência da pele e a queda de cabelo.

Desvantagens da Reposição Hormonal

  • Custo elevado do tratamento.
  • Tratamento prolongado.
  • Volta da menstruação e TPM em algumas mulheres.
  • Agravamento da possibilidade de câncer de mama em mulheres suscetíveis.

A Terapia de Reposição Hormonal nunca deve ser iniciada e abandonada sem supervisão médica. As vantagens da Terapia de Reposição Hormonal só são obtidas se seu uso for supervisionado e continuado.

2. Dieta

Menopausa: Você está preparada?

Os alimentos têm um grande impacto na saúde do organismo em qualquer fase da vida, por isso, na menopausa, eles podem ser aliados na saúde e busca pelo bem-estar. Refeições equilibradas e diversificadas auxiliam a manter o peso e dar mais disposição, pois há mais oferta de nutrientes de forma natural.

Além disso, preferir alimentos menos industrializados e mais frescos — como frutas e verduras — auxilia no controle da glicemia e da pressão, refletindo também no funcionamento e equilíbrio dos sistemas corporais. A forma de comer também pode impactar no organismo. Por isso, evite passar longas horas sem se alimentar, ou então comer exageradamente, fazendo refeições muito grandes (pois o excesso de calorias pode acentuar os fogachos).

Vitamina E: O efeito da vitamina E na redução dos sintomas da menopausa é comprovado. Muitos médicos sugerem que mulheres que estão atravessando a menopausa tomem 800 IU de vitamina E por dia por um período de teste de três meses, para ver se os sintomas se reduzem. Em caso positivo, a dosagem é continuada.

Cálcio: A suplementação diária com cálcio ajuda a reduzir dores de cabeça, irritabilidade, insônia e depressão relacionadas à menopausa. Além disso, deficiências de cálcio, que levam à osteoporose, são mais comuns em mulheres pós-menopausa. Osteoporose é uma condição séria caracterizada por ossos fracos. Diversos estudos já foram publicados confirmando que a suplementação com cálcio pode retardar ou até impedir o desenvolvimento da osteoporose. Por isso, cálcio é um dos suplementos mais consumidos por mulheres. O consumo desse suplemento é geralmente de 500 a 1500 mg por dia.

Linhaça: A linhaça ajuda a aliviar os sintomas da menopausa. É rica em ácidos graxos Ômega 3, sais minerais e vitaminas. A linhaça auxilia na regularização do intestino, tem ação antiinflamatória, aumenta a atividade do sistema imunológico, além de possuir uma substância que protege contra tumores de mamas, ovários e próstata.

Menopausa: Você está preparada?

Magnésio: Alimentos ricos em magnésio sao essenciais. A deficiência deste mineral no organismo resulta em fadiga e carência de enzimas envolvidas na produção de energia. Prova disso é que uma pesquisa do Instituto de Psiquiatria da Inglaterra, que mostrou que os níveis deste mineral são mais baixos em pessoas que sofrem de depressão. As oleaginosas (nozes, castanhas, amêndoas) e peixes, como atum e salmão, são ricos nesse mineral. Porém, no Brasil, o solo é muito pobre em magnésio e o ideal seria fazer a suplementação.

Chá branco: O chá branco, mais rico em catequinas que o chá verde, tem um efeito antioxidante aumentado, potencializando funcionamento hepático, eliminação de toxinas do organismo e normalização de lipoproteínas (lavacolesterol). Suas substâncias antioxidantes também aumentam o metabolismo basal, auxiliando no controle do acúmulo de gordura visceral, que é tão comum em mulheres na menopausa.

Gorduras boas: Elas estão no azeite de oliva e em outros óleos vegetais, assim como nos peixes – atum e sardinha são exemplos. No lanche, vá de oleaginosas, como amêndoas e castanhas, que também têm gorduras positivas. O trunfo delas é que ajudam a resguardar os vasos. Inclua também o abacate e o óleo de coco.

Vitamina D: Se não conseguir tomar sol pelo menos 20 minutos por dia, o ideal é suplementar a vitamina D. Ela é super importante porque participa da metabolização e absorção do cálcio, mantendo a saúde dos ossos, além de agir nas atividades neuronais.

Complexo B: O complexo B é formado por 12 vitaminas que podem ser encontradas em alimentos como semente de girassol, fígado, feijão, cereais integrais, leite, ovos e gérmen de trigo, atum, frango e carne vermelha. Devido à diversidade do complexo B, as vitaminas atuam em diferentes mecanismos e participam de inúmeras funções no organismo. O reforço do complexo B pode auxiliar a reduzir a ansiedade, a depressão, os fogachos, melhorar a saúde óssea e dos tecidos, além de melhorar a formação celular e prevenir sintomas e doenças decorrentes (como enemias ou fraquezas).

3. Mudança no Estilo de Vida

Menopausa: Você está preparada?

Exercícios físicos: As mulheres sedentárias estão mais propensas a ter ondas de calor do que as mulheres que se exercitam. Em um experimento, os sintomas da menopausa foram reduzidos imediatamente após o início da prática de exercícios físicos, de qualquer tipo. O importante é ter uma vida mais ativa.

Parar de fumar: Fumar pode estar muito relacionado às ondas de calor em mulheres que estão passando pela menopausa. Estudos preliminares mostram que muitas das mulheres com ondas de calor são fumantes. Outro estudo mostra que grande parte das mulheres que buscam reposição hormonal são fumantes.

Sono adequado: Uma boa noite de sono é importante para restaurar a energia, equilibrar os hormônios, manter os níveis de cortisol sob controle e reduzir a ansiedade ou a depressão. A ioga e meditação são boas ferramentas para ajudar nessa fase da vida.Se você tiver problemas para dormir (como muitas mulheres na menopausa), tente usar óleos essenciais de balanceamento de hormônios como lavanda, gerânio e camomila. O uso da melatonina para regular o sono é também uma excelente medida. Tente ler um livro, escrever um diário, tomar suplementos a base de magnésio, ou tomar um banho quente antes de dormir.

Práticas de redução do estresse da mente e do corpo: Os problemas de sono, a ansiedade, fadiga e a depressão tendem a aumentar durante a transição para a menopausa. Por isso é importante gerenciar o estresse da melhor maneira possível. As formas de fazer isso incluem calmantes naturais do estresse, como se exercitar, passar tempo ao ar livre, meditar, buscar apoio social, participar de uma causa útil ou se voluntariar, ler algo inspirador e edificante e fazer algo criativo.

278 comentários para “Menopausa: Você está preparada?”

  1. Avatar de Glaucia Nogueira

    Já estou na menopausa, mas os sintomas são fracos, nada de muito sofrimento, muito bom o artigo.

  2. Avatar de Teresa

    entrar na menopausa é muito chato, não estou gostando, mina vida piorou muito.

  3. Avatar de Maria Eunice

    O único sintom,a que tenho é calorão e insônia, o resto não tenho nada…
    adorei o artigo

    1. Avatar de Amélia

      Sorte sua, eu tenho todos os sintomas dessa lista. Sofro demais

  4. Avatar de Jade

    Gostei das sugestões de alimentação.
    Eu faço a reposição hormonal e com isso tudo melhorou…

  5. Avatar de Glaucia P. De Rosa

    Olá, boa materia mas quero deixar um alerta tomara que leiam.
    Muitos medicos(as) diagnosticam como menopausa baseados nos sintomas do hipo ou hipertiroidismo.
    Este alerta vem sendo dado por Dr.Oz, medico cirurgião cardiologista americano.
    Na dúvida pesquise, se informe e procure uma ipinião diferente, uma segunda opinião medica pode fazer toda a diferença em sua saúde e qualidade de vida.
    Um abraço para todas.
    Glaucia de Rosa

    1. Avatar de Anamaria

      Sim Gláucia,
      meus exames de sangue detectaram hipotiroidismo, que tem sintomas parecidos com os da menopausa, tais como queda de cabelo, irritabilidade. Como também estou no processo de menopausa, fica difícil saber se esses sintomas foram causados por qual deles ou os dois.

    2. Avatar de Jade Sp

      Para não confundir hipertireodismo ou hipotireodismo com os sintomas da menopausa não seria correto passar por uma consulta com um endocrinologista?
      Depois que ficar constatado que a mulher não tem nenhum e nem outro caso na tiróide, começa a tratar com a ginecologista.
      Eu fiz isso. Bjs 😉

  6. Avatar de Marta

    Gsotei do post, vai me ajudar bastante, estou tendo alguns sintomas, a insônia é o que mais incomoda.

  7. Avatar de Ieda Wackslavowski

    Achei ótima essa materia! Estão de parabéns!!

  8. Avatar de Cristina

    Estou com 43 anos e parece que já estou tendo alguns sintomas, socorrooo

  9. Avatar de Ana Paula

    Que chatice ser mulher hein? Quando não é a chatice da menstruação tem essa chatice de menopausa

  10. Avatar de Larissa

    é cruel demais

    1. Avatar de Andrea Cristine

      Cruel é ter câncer, é pensar assim por ignorância e não dar valor a vida que se tem.

      1. Avatar de Glenilene Resende

        Concordo Andrea, tem coisas muito pior nessa vida 😉

  11. Avatar de Jane Boso

    Estou com 56 anos e até agora nada de sintomas horrorozos,tive poucas vezes uns calorzinhos,que resolvi tomando muito chá geladinho.
    Amei a matéria, parabéns.

  12. Avatar de Kelly Cristine

    Que medo de chegar nessa fase, já sofro horrores com TPM, já sei que vou ter todos esses sintomas na menopausa

  13. Avatar de Neide

    Excelente publicação!!!! Parabéns

  14. Avatar de Antonieta

    Estou quase lá, vou me cuidar para não ter esses sintomas chatos.

  15. Avatar de Isabel

    Gostei muito da matéria, logo estarei na menopausa 🙁

  16. Avatar de Jussara

    Estou com 50 anos e desde os 46/47 percebo os sintomas da menopausa. A minha qualidade de vida despencou e só com a reposição hormonal, que comecei a fazer há quase dois anos, os sintomas diminuiram. Reconheço os riscos da reposição, mas, no meu caso, ela era muito necessária. O importante é que haja um bom acompanhamento médico. Um abraço.

  17. Avatar de Cacilda

    Muito útil a matéria, estou com 61 anos fiz a menopausa com 54 anos, a unica coisa que senti foi muito frio, qdo ia na ginecolgista via as mulheres tirando agasalhos dizendo estar com muito calor e eu tremendo de frio devido ao ar condicionado, meu filho chegava do trabalho suando com muito calor e me via de meia, pijama ele falava …nossa mãe ver vc agasalhada eu é q passo mal..rsrs…
    Nunca entendi as ondas de frio, nem a médica soube me explicar, mas hormonio nunca tomei pq medicos me alertaram sobre o risco de cancer de mama devido ao hormonio.
    Hoje me sinto felizzzzzzz..sem cólica, ou seja temos q estar preparadas p não entrar em paranóia, pq a idade chega e vc aceita e seja feliz..

    1. Avatar de Norma

      Fiz reposição hormonal durante 10 anos, foi a melhor coisa que fiz, me ajudou muito pois sofria demais com os sintomas, hj tb estou com 61 e vivo bem e feliz, os sintomas passaram…

      ahhh essa história de dar cancer não é verdade.

      1. Avatar de Andrea Cristine

        É verdade quando se analisa o histórico familiar. Com muita cautela em quem tem casos na família, tipo irmã, mãe, tia. Quem fez acompanhamento a vida toda com ginecologista, nunca apresentou qualquer alteração em mamografias ou ecografias, não é fumante, tem todas as possibilidades de fazer a reposição com muitos benefícios. Então dizer que a reposição hormonal não leva ao aparecimento mais fácil de câncer também não é verdade, é preciso analisar o histórico familiar, e isto só um médico é capaz de fazer.

    2. Avatar de Sandra

      Nossa … eu achava que era só eu que sentia frio !!!Eu não tive onda de caloer , mas sentia muito frio …ainda sinto.Entrei na menopausa com 38 anos , mas com ela eu dei hiper …não tomo hotmonio e me sinto muito bem!!!

  18. Avatar de Janete Camargo

    Olá!!! Gostei muito do artigo, com ler sobre esse assunto aqui, dicas de alimentação muito bancanas.

  19. Avatar de Norma

    Muito bom o artigo, já passei dessa fase, aconselho quem sofre com os sintomas a fazer a reposição hormonal, é muito bom, ajuda muito.

  20. Avatar de Maria Alice De Souza Milhomens

    tenho 53 anos, comecei a sentir mais calor e graças a Deus bem passageiro, como muito soja e tomo leite de soja. outra coisa que acho muito bom e o chá da folha de amora, espero não fazer reposição hormonal

  21. Avatar de Simone

    Cacilda,

    Sou assim como vc, estou com 43 anos sinto muito frio tenho que estar sempre com uma blusinha, só tiro quando estou de baixo de um sol quente, as pessoas não entendem e acham muito estranho isso, agora resolvi procurar um médico, pois tem piorado, estou com alguns exames pra fazer, vamos ver o que vai dar, mas pelo que li estou começando com alguns sintomas de menopausa.

    Obrigada pela matéria

    1. Avatar de Cacilda

      Simone comecei a sentir os sintomas com 47 anos, sentia muito frio, e com 54 anos fiz a menopausa defenitivamente. Tem mulheres que a menstruação atrasa , depois volta , tenho uma amiga que engravidou com 53 anos, pensou ser a menopausa pq ja tinha quase um ano q não menstruava e de repente quando foi ver “gravida” detalhe o neto é mais velho q o sobrinho pq qdo ele engravidou a filha ja tinha um filho com 3 anos!
      Me tratava com uma ginecologista que me passou o hormonio, ela disse vc não tem ondas de calor , mas é p vc ficar bonita, é para sua beleza. Fiquei na duvida e não comprei. Depois troquei de ginecologista e comentei sobre o hormonio, ela disse vc não tem ondas de calor e só passo qdo é necessário mesmo. E fazer mamografia de 6 em 6 meses é prejudicial, tanto vc pode ter um cancer de mama pelos hormonios ou pela mamografia.
      Mamografia é feita 1 vez por anos devido a ao Raio X. Simone tenta saber de seu (sua) medica (medico) se vc não tem problemas de tireóide, pq no meu caso as ondas de frio foi aliviada quando a ginecologista pediu exame T4..tenho hipo.
      Simone penso que é melhor ter frio do que aquelas ondas de calor, pq muitas de minhas amigas tiveram a onda de calor, como sofriam.
      Dei Graças a Deus quando fiz a menopausa, adeus colicas, tpm.
      Espero ter podido te ajudar , não resolvendo pq não sou medica, mas compartilhando os meus sintomas e que no final tudo deu certo!
      Abraços

      1. Avatar de Anamaria

        Cacilda
        Seu segundo médico teve mais bom senso. Hormônios só devem ser tomados em caso de calor insuportável, depressão, estado de apatia.
        Ficar bonita é com exercícios, dieta balanceada e de qualidade.
        Minha médica dermatologista teve um AVC no primeiro dia de hormônio. Ainda bem que foi moderado e ela se recuperou.
        Além da Isoflavona tem a Cimicifuga que é muito boa também.

        1. Avatar de Cacilda

          Nossa AVC no segundo dia de hormonio anamaria!! Quando vou em um médico pela primeira vez , até pego a receita, chego em casa vou no google e pesquiso sobre o médico, e já me aconteceu de passar em um oftal que disse que eu estava quase cega, fiquei na minha, peguei a receita, fui no google pesquisei e o dotorzinho era um clinico geral, fui no meu convenio e fiz um BO.
          Com saude temos que ficar atentos, pq um erro médico acaba com nossa saude.
          Excelente fds..

    2. Avatar de Anamaria

      Simone

      Já verificou seu TSH, exame da tireóide?
      Um dos sintomas do hipotiroidismo é a intolerância ao frio.

      Ana Maria

  22. Avatar de Andrea Cristine

    Eu acredito que é uma coisa que faz parte da vida e se encarar tudo na paranoia, como se fosse o fim da vida, reclamar o tempo todo e achar que é o ser mais infeliz da face da terra, com certeza será. O importante é procurar seu médico e fazer reposição hormonal caso seja necessário, pois ela traz mais benefícios do que malefícios. Tem gente que só faz alimentação aumentando o consumo de soja, só que tem um detalhe, funciona muito bem nos países como Japão, China onde a soja é considerada a melhor do mundo, fora que o consumo é de uma vida inteira e não apenas começar na vida adulta ou quando apresenta sintomas da menopausa. A soja brasileira é de baixa qualidade em comparação com a deles e deve ser consumida com parcimônia e infelizmente esta informação não é passada aos usuários tanto por ignorância de quem prega que soja é um produto natural e portanto pode ser consumida aos montes, quanto por médicos desinformados.

  23. Avatar de Geisa

    Gostei muito do artigo, acho que o incentivo de fazer a reposição hormonal deve ser maior, evitaria muito sofrimento das mulheres

  24. Avatar de Liane

    Faço deposição hormnal a 5 anos, os sintomas realmente são amenizados com o tratamento.
    Tomo angelique muito bom me sinto ótima.

  25. Avatar de Liane

    Realmente os sintomas são melhorados com a reposição hormonal, faço uso do angelique a 5 anos e me sinto ótima.

  26. Avatar de Patrícia Da Matta

    Estou com 45 e ainda não tive nenhum sintoma, nossa espero não sofrer tanto na menopausa

  27. Avatar de Anamaria

    Comecei com ondas de calor aos 49 anos. Meus médicos me alertaram sobre o perigo da reposição, que deveria ser feita apenas se os sintomas fossem muito fortes. Comecei a tomar fitoterápicos e um antidepressivo. Hoje estou com um comprimido de isoflavonas 100 mg à noite e o antidepressivo pela manhã.
    Há riscos de enfarte, câncer de mama, AVC, tomar só se as ondas, depressão e enfraquecimento dos ossos for muito grave.

  28. Avatar de Mônica

    Olá pessoal, tenho 50 anos e comecei com sintomas de menopausa com 47, desde então não menstruo mais. Para falar a verdade eu preferia os sintomas da menstruação aos da menopausa pq eu não tinha problemas ao menstruar, de vez em qdo uma dor de cabeça, mas só. E agora com a menopausa, sinto um pouco dos calores, mas as piores consequências no meu caso foram: insônia, taquicardia, flacidez da pele do corpo e aumento da gordura abdominal. Sempre fui magra, pesava 56/57 kg até pouco tempo, e agora estou com 63kg, e não estou me sentindo bem, me sinto desconfortável. Nesses 03 anos consultei 03 médicos para me informar sobre reposição hormonal, um deles era favorável à reposição pq falou que melhora muito a qualidade de vida da mulher, me receitou um hormônio que não lembro o nome agora, mas consegui tomar somente os 10 primeiros dias,pq parecia que ia morrer de tão mal que fiquei. Daí parei e tomei Isoflavona. Os outros médicos são contrários à reposição hormonal e recomendaram alimentação, e isoflavona; tbem devido ao acompanhamento de mamas que faço a cada 06 meses pq já tive cistos. No momento não estou tomando Isoflavona, só estou tomando 01 colher de sopa de linhaça todos os dias batida com suco, e tento maneirar na alimentação. Não estou fazendo exercícios pq ando desanimada, mas fico prometendo que vou começar…..E ainda tenho vontade de tentar reposição hormonal, mas não me sinto segura pelas informações que tenho à respeito.
    Achei a matéria resumida com todos os dados importantes sobre a menopausa. Parabéns!

    1. Avatar de Vera

      Monica,
      também engordei na menopausa, faço reposição hormonal, de 55 kg passei para 62 kg em 3 anos, sendo que no primeiro ano de reposição engordei 5 Kg.
      Perguntei para minha ginecologista sobre a reposição hormonal engorda? ela disse que não seria a medicação. Principalmente a gordura abdominal, troquei o manequim e tive que comprar roupas novas.

  29. Avatar de Glenilene Resende

    Olá!!! Excelente artigo, entrei a pouco tempo na menopausa e estou levando numa boa, nada de desespero, estou com sintomas leves, tomara que não piore…. estou fazendo a reposição.

  30. Avatar de Cremilda

    Parabéns pela matéria!
    Estou com 57 anos ja estou na mneopausa a 1 ano e não sinto nada desses sintomas espero continuar assim se Deus quizer. Mas foi muito interesssante a materia, para quem sente esses sintomas é bom procurar uma ajuda médica sim.

  31. Avatar de Roseny Silva Evangelista

    ainda não estou na menopausa, mas ja me cuido, tomo leite de soja,e como aveia diariamente, pratico caminhadas todos os dias, acho que isso vai me ajudar um pouco,quando chegar na menopausa,

    beijos.

  32. Avatar de Ana Dora

    olá pessoal, eu tenho 46 anos, e a mais ou menos um ano os sintomas da pre-menopausa começaram, ondas de calor noturnos, insonia,depressão leve, irritabilidade, prisão de ventre (eu já era propensa, mas agora piorou muito), dor no corpo e desanimo. Onde moro é muito quente, então parece que o desanimo toma conta mesmo, mas não desanimo, tomo um anti-depressivo fitoterápico, cuida da alimentação e faço caminhadas todos os dias, resolve bastante, mas vou procurar um medico para que ele possa me orientar melhor. adorei a matéria.

  33. Avatar de Helena

    Eu além de ter todos esses sintomas ainda engordei 10k, vê se pode, estou perdida rsrs

  34. Avatar de Geny Calicchio

    Milllll vezes a todo mêsb a menstruação……

  35. Avatar de Ceça Silva

    Amei a matéria, muito bom.

  36. Avatar de Rose

    Que calorão, alem do calor que está fazendo 😡 🙁

  37. Avatar de Silvânia

    Dizem que fazer reposição hormonal engorda e cria gordura em volta da cintura. Alguém sabe me dizer se é verdade? e se realmente a mulher se sente muito bem com a reposição?

    1. Avatar de Norma

      Oi Silvânia, se sentir bem ou não vai depender de cada mulher. Mas dependendo do estilo de vida que a mulher leva a reposição hormonal é excelente, por si só não acumula gordura no abdomem, mas se vc comer feito uma louca e não se exercitar aí sim, eu fiz por mais de 10 anos e nunca tive nada, só me ajudou.

  38. Avatar de Yone

    Menopausa não é uma fase tão ruim assim, basta se cuidar ter boa alimentação e fazer exercicios, já melhora muito, para quem sofre, fazer a reposição hormonal é uma boa saída, adorei o artigo.

  39. Avatar de Conceição Valentin

    A matéria e muito boa. Menopausa e mais uma fase da vida como tantas outras, tudo depente como nos encaramos esses fatos, bem que nos sabemos que cada um e mais sensitivel que outros, mas pior do que tudo isso, e um câncer incuravel, não é mesmo. Tenho 52 anos ja tive muito calor e outras coisas e já fiz reposição hormonal, agora já estou me sentindo como uma pessoa de trinta anos. Meu conselho é encare os fatos e resolva sem fazer grandes dramas, que tudo passa, bola pra frente, e vamos ser FELIZES. BJOS A TODAS.

  40. Avatar de Rosinha

    A menopausa é uma fase que toda mulher irá passar um dia, eu estou com 49 anos, no entanto ainda não estou na menopausa, e sim no climatério que é a fase que antecede a menopausa, mas quando chegar lá terei que encarar as coisas com naturalidade, sou uma pessoa que faço atividade física tais como: caminhada, pilates e dança, e também procuro me alimentar bem, incluindo graos integrais, portanto o meu conselho para todas é que procurem ajuda médica, façam os exames necessários e agradeçam a Deus por estar vivendo. Viver é bom demais. Beijos a todas!

  41. Avatar de Cecilia Rossini

    Tenho 51 anos e o que mais estou tendo dificuldade é em encontrar um profissional que cuide de menopausa não sei se não tive sorte mas embora encontre bons profissionais ginecologistas, obstetras, eles não tem muita experiência em menopausa e ando sofrendo com todos os sintomas. Eu vou no SUS mas se tiver um bom que não seja do SUS também irei. Alguém pode me ajudar?

  42. Avatar de Vera

    Estou com 51 anos, estou fazendo reposição hormonal a 3 anos, melhorei dos sintomas, tive principalmente o calor noturno. Também engordei pesava 55 kg, no primeiro ano da reposição engordei 5 Kg e depois mais 2 kg.
    Adorei o texto e também os comentários!

  43. Avatar de Wania Regina De Souza

    oieeee!!!

    Pois é … Chegou a minha vez… Ouvi muito minha mãe falar do que passou na menopausa!!!!qaos 52 anos já estou sentindo os tais calorões… Como sou o tipo que não paro, exercito muito e procuro levantar o máximo o astral acho que conseguirei com alegria passar essa etapa…

    Vamos ser felizes…. Novo ciclo que se instala.Precisamos agradecer ao universo por nos proporcionar esse novo tempo no quado de SER MULHER!!!

    MUito bom post. Parabéns!!!

  44. Avatar de Sônia

    Faço reposição hormonal com hormônios bioidenticos e está sendo ótimo .Recomendo que vcs procurem se informar a respeito pois a técnica não é muito utilizada no Brasil ainda.
    Me sinto outra mulher agora.

    1. Avatar de Jade Sp

      Oi amiga ! 🙂

      Esses hormônios bioidênticos são naturais? Apresentam muitos efeitos colaterais? Você está em SP, capital ?
      Se puder me enviar o endereço de seu(a) médico(a), agradeço muito, pois minha saúde é delicada e não posso tratar com remédios muito agressivos, pelo fato de ser transplantada.
      Muito obrigada !!!

      jade4.1@hotmail.com

    2. Avatar de Mônica

      Oi Sônia, td bem? Eu já li e vi matérias sobre hormônios bioidênticos, mas o problema é o que inclusive li aqui nos comentários, que os médicos não são muito preparados para o tratamento da menopausa, pelo menos aqui no interior de SP onde moro, já perguntei sobre isso e ele deu uma resposta vaga e ficou por isso mesmo. Até agora não encontrei um médico que se aprofundasse mais no assunto. Eu gostaria de fazer uma consulta com o Dr. Euzimar Coutinho, já vi várias entrevistas dele e adorei, mas no momento nem pensar pq ele é de outro estado e a consulta deve ser uma fortuna, não tenho condições, mas quem sabe um dia, espero.

  45. Avatar de Jade Sp

    Alguém poderia me dizer se os médicos homeopatas ou naturalistas tratam de menopausa?
    O tratamento ajuda, funciona?

    Quem puder me indicar um que esteja em SP,na zona sul, por favor enviar o nome e endereço para: jade4.1@hotmail.com

    Sou transplantada e gostaria de tratar a menopausa com médicos naturalistas. Abraço a todas !
    Jade

  46. Avatar de Marta B.

    Sem drama. Me sinto preparada para mais esse momento. Já inclui há tempo os alimentos acima citados e faço exercícios regularmente. Sugiro a leitura do livro 40, Sim! E daí? de Andrea Franco. Muito bom! E muito boa matéria. Adorei!

  47. Avatar de Joana D'arc

    Gostei muito do artigo e das dicas na alimentação. Já estou na menopausa, mas não sinto nenhum desses sintomas. Valeu!!! 😀

  48. Avatar de Eliana Bertucci

    Optei pela reposição natural e tenho tido resultados muito satisfatórios.
    Faço uso de chá de amora e tribullus terrestris.
    Incluí linhaça a minha alimentação, é fantástica, também aprendi a comer e gostar de soja, preparo de várias formas, inclusive, faço tofu…
    O inhame, repolho, grão de bico, também fazem parte de meu dia-a-dia.
    Consumo “gorduras boas” como azeite de oliva extra-virgem, castanhas, nozes…

  49. Avatar de Lucy Alves

    Parabéns pelas dicas, é muito importante ter informação, tive vários sintomas. depressão, calores , insonia, hoje faço reposição hormonal e estou se sentindo bem melhor, além de cuidar também do hipotireoidismo que é um agravante. Sugiro as mulheres que fiquem ligadas para não serem pegas de surpresa, porque é um Deus nos aguda, quando esses sintomas aparecem todos juntos, é melhor prevenir do que remediar, eu é que o diga!
    Um abraço a todas!

  50. Avatar de Pricila Bezerra Yakabe

    Estou longe ainda de entrar na menopausa mas já me preocupo com esse assunto,conheço mulheres que estão passando por esse ciclo e tenho ouvido comentários desagradáveis sobre os sintomas da menopausa.Eu costumo fazer pesquisas sobre os mais variados assuntos e tenho lido vários sobre como amenizar os efeitos causados pelos sintomas da menopausa através de uma dieta balanceada que com o passar dos anos com certeza irá ajudar à aliviar esses sintomas.

Obs: Quer colocar sua foto nos comentários? Descubra como aqui (link abre em outra janela).

Deixe um Comentário

Sorriso Sorrisão Piscadela Ri demais! Zoeira Sério?! Triste Vergonha Malvado Confuso Legal Raiva